Sábado, 5 de Novembro de 2011

Rural(idade) vs. Urban(idade)!

Rural(idade) vs. Urban(idade)
Debate sobre o património e o futuro da memória

"Numa sociedade globalizada, faz sentido cada vez mais tentar encontrar a identidade cultural de cada indivíduo, observar a matriz humana e continuar na sua análise mas permitir ao público esta redescoberta da sua identidade. E que identidade é essa, não é uma identidade passada, é uma identidade voltada para o futuro, global… está claro que olhar para trás, para o passado próximo é duro, mas daí tiramos a essência, não podemos dar azo a que a ideia do eterno retorno nos faça voltar a acreditar que este é um ponto de partida, temos de contrariar e avançar em frente sem que a nossa história e a nossa cultura sejam esquecidas."

É nesta procura de identidade voltada para o futuro, recorrendo ao passado, que se desenvolve esta iniciativa “Rural(idade) vs. Urban(idade)”. Desta forma o projecto pretende debater sobre a ruralidade na cidade e urbanidade nas zonas rurais, e de que forma será possível dar um passo para o futuro sem esquecer o passado, aproveitar as valências do passado para construirmos um futuro sustentável.
Encontrar nas zonas urbanas a integração de elementos rurais e perceber de que forma foram absorvidos, transformados e reinventados, dando passos para uma identidade.
Promovendo um fórum de discussão a nível regional e nacional sobre os moinhos tradicionais e o seu papel na sociedade actual.

Dia: 19 de Novembro de 2011 (Sábado)
Hora: 17:00 Horas
Local: Auditório do F.A.C.E., Espinho
Âmbito: Integrado no eVento, do qual fazem parte um conjunto de iniciativas paralelas à estreia do espectáculo «Casa dos Ventos», da Companhia de Teatro e Marionetas de Mandrágora (ver mais em http://www.casa-dos-ventos.blogspot.com/).

Público-alvo:
Universidades

Escolas secundárias
Cursos profissionais
Associações locais e regionais de Desenvolvimento Local
Associações e instituições ligadas ao estudo e salvaguarda do Património
Moleiros e proprietários de moinhos
Público em geral

Oradores:
Dr. Jorge Miranda (Etnoideia)
Prof. Dra. Elisabete Figueiredo (Professora Auxiliar no Dep. Ciências Sociais, Políticas e do Território - Universidade de Aveiro)
Dra. Leonor Fonseca (Vereadora da Cultura da Câmara Municipal de Espinho)
Armando Ferreira (Rede Portuguesa de Moinhos)

Debate envolvendo os oradores e o público participante sobre os temas apresentados e a temática do encontro.

Mediadoras:
Clara Ribeiro
Filipa Mesquita

Publicado por Armando às 08:40
Link do artigo | Comentar | Adicionar aos favoritos
|

.Artigos recentes

. Rural Matters!

. Artes e Ofícios!

. Rural(idade) vs. Urban(id...

. Despovoamento!

. E tudo a água (e o betão)...

. Ainda há pastores!

. Agrocultura!

. Promessa!

. Povo que (ainda) lavas no...

. Adufada!

. Os Novos Povoadores!

. A propósito do fecho das ...

. Vamos Salvar Sortelha!

. Dia Internacional dos Mon...

. O Portugal de Orlando Rib...

. O Entrudo!

. Cantar as Janeiras!

. Ritos Transmontanos!

. Genealogia!

. Arquitectura Tradicional ...

. Música Popular Portuguesa...

. Etnólogos Portugueses!

. A aldeia da minha vida!

. Qual é a aldeia da sua vi...

. Nova Corte na Aldeia. Int...

. A propósito do acidente n...

. Querem destruir o Museu d...

. O que é a paisagem?

. Os incêndios e a desertif...

. Portugal a voo de pássaro...

.Arquivos

. Agosto 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2007

. Outubro 2006

. Maio 2006

. Fevereiro 2006

. Novembro 2005

. Julho 2005

. Janeiro 2005

. Outubro 2004

. Julho 2004

. Abril 2004

. Fevereiro 2004

.Links

.Pesquisar neste blog

 

.Visitas

Website counter

.Visitantes Online

.Facebook